Vozes femininas para o nosso tempo

Por todavia

Todos os livros escritos, organizados ou ilustrados pelas nossas autoras com 20% de desconto, de 8 a 18 de março. Conheça os títulos.

ACRE, Lucrecia Zappi

Uma voz potente do romance contemporâneo. Poucas vezes na cultura brasileira a relação conflituosa da classe média com a cidade foi retratada de forma tão precisa.

AFIADAS: AS MULHERES QUE FIZERAM DA OPINIÃO UMA ARTE, Michelle Dean

Mulheres geniais que transformaram o panorama de seu tempo e fizeram de suas opiniões um novo capítulo das letras, influenciando autores e autoras e moldando nosso cenário cultural.

ANUÁRIO TODAVIA 2018/2019: APOCALIPSE, vários autores

Reportagens, ficções e ensaios que dialogam com temas incontornáveis dos nossos dias, assinados por nomes como Isabela Figueiredo, Zadie Smith e Lina Meruane.

BAIACU, vários autores

Organizada por Angeli e Laerte, BAIACU é um dos experimentos mais ousados da história do quadrinho brasileiro. Inclui trabalhos de Bruna Beber, Powerpaola e Laura Lannes, entre outros nomes.

CADERNO DE MEMÓRIAS COLONIAIS, Isabela Figueiredo

Obra-prima da literatura portuguesa de hoje, é um genial acerto de contas da autora com o passado colonial de Portugal e com seu pai, um eletricista português radicado em Moçambique. 

CARTAS DA PRISÃO DE NELSON MANDELA, Sahm Venter e Zamaswazi Dlamini-Mandela (organizadoras)

Primeira – e única – coleção autorizada e autenticada de correspondências que abarca os vinte e sete anos em que o líder sul-africano esteve encarcerado. Reunidas pela jornalista Sahm Venter a partir de coleções públicas e privadas, incluem um prefácio escrito por Zamaswazi Dlamini-Mandela, neta do Madiba.

CHELSEA GIRLS, Eileen Myles

Repleto de álcool, drogas, sexo e arte, este cultuado romance é um retrato íntimo e caloroso da formação de um dos grandes nomes da poesia contemporânea americana.

CONTRA OS FILHOS, Lina Meruane

Agora que as mulheres lutaram tanto por sua libertação, devem renunciar a tudo docilmente em nome da maternidade? Este é o cerne do polêmico ensaio de Lina Meruane. Uma investida – com humor e inteligência afiada – contra o império dos filhos em nosso tempo.

ELES ESTÃO POR AÍ, Bianca Pinheiro e Greg Stella

Um dos mais assombrosos quadrinhos brasileiros de hoje, é um convite para uma viagem insólita, sem rumo definido e nem regras claras.

FUN HOME, Alison Bechdel

Um labirinto da memória trazido à tona com graça, humor e a força das maiores realizações artísticas. Num trabalho imensamente poderoso e sutil, Bechdel trilha o caminho de sua vida em busca de um pai tão enigmático quanto incontornável.

GAROTAS MORTAS, Selva Almada

Um dos grandes nomes da literatura argentina contemporânea, Selva Almada investiga três casos de feminicídio em seu país na década de 1980. E mostra que a situação não mudou com o tempo.

A GORDA, Isabela Figueiredo

Uma poderosa sátira a respeito de auto-imagem e preconceito de um dos nomes mais destacados da literatura portuguesa contemporânea.

A GUERRA: A ASCENSÃO DO PCC E O MUNDO DO CRIME NO BRASIL, de Camila Nunes Dias e Bruno Paes Manso

Uma reportagem de alta temperatura sobre a falência da segurança pública no Brasil, com relatos inéditos de integrantes do PCC revelando as entranhas das organizações criminosas.

IMUNIDADE, Eula Biss

Será possível protegermos nossos filhos e a nós mesmos do mundo à nossa volta? Com texto esclarecedor, IMUNIDADE traz o debate sobre imunização para um novo patamar.

JINGA DE ANGOLA: A RAINHA GUERREIRA DA ÁFRICA, Linda M. Heywood

Mulher livre, corajosa e orgulhosa que soube ardentemente defender sua posição e africanidade, e que teve ousadia o suficiente para enfrentar as impiedosas lutas de poder, Jinga permanece viva na memória dos descendentes de escravos no Brasil e na África.

JORGE AMADO UMA BIOGRAFIA, Joselia Aguiar

Com acesso exclusivo a documentos de família e cartas de parentes, amigos e outros escritores, além de exaustivas entrevistas e pesquisas no Brasil, na Europa e nos Estados Unidos, Joselia Aguiar retraça a história de um dos mais populares escritores do século XX.

KAFKIANAS, Elvira Vigna

Livro póstumo e inédito de Elvira Vigna marca o encontro de uma das maiores vozes da literatura brasileira com a obra de Franz Kafka. Na prosa de Elvira, os contos ganham novos contornos cômicos e trágicos, numa visão surpreendente e irresistível.

KAREN, Ana Teresa Pereira

Uma engenhosa trama sobre personalidade, memória e casamento de uma das mais notáveis escritoras portuguesas contemporâneas.

A LANTERNA MÁGICA DE MÓLOTOV, Rachel Polansky

Homenagem singular à história e à cultura russas, o livro evoca o espírito dos grandes artistas e o passado assombrado de um país devastado pela guerra, pela fome e pelo totalitarismo.

LUA NA JAULA, Ledusha Spinardi

Poeta que despontou nos anos 1980, Ledusha retorna com um poderoso livro de poemas inéditos sobre maturidade, tempo, amor e memória.

PALETÓ E EU, Aparecida Vilaça 

Relato luminoso e nada convencional de uma antropóloga sobre a vida ao lado de Paletó, seu carismático pai indígena.

O QUARTO BRANCO, Gabriela Aguerre

Numa escrita envolvente, delicada e firme, este romance de estreia é uma meditação vigorosa sobre memória e descendência.

A REVOLUÇÃO RUSSA, Sheila Fitzpatrick

Cem anos depois da Revolução Russa, o livro de Sheila Fitzpatrick deixa de lado as doutrinações ideológicas e consegue destrinchar os acontecimentos desse evento-chave do século XX tanto para especialistas quanto para leigos.

SEM DÓ, Luli Penna

Em seu primeiro livro de quadrinhos, a ilustradora Luli Penna usa a São Paulo dos anos 1920 para criar uma bela e trágica história de amor.

TUDO PODE SER ROUBADO, Giovana Madalosso

Com seu humor ágil e cortante, Madalosso construiu um retrato afiado das ambições, sonhos e relacionamentos nos dias de hoje.

TUDO QUE É BELO, The Moth

Construído com base em histórias reais, narradas no palco seja por famosos ou gente comum, The Moth é uma das iniciativas mais impactantes dos últimos anos em torno da arte de contar histórias. Este livro mostra por quê.

UM ANO DEPOIS, Anne Wiazemsky

Um livro de memórias divertido e surpreendente, com elenco espetacular, que traz um olhar renovado sobre o Maio de 68 na França.

UMA NOITE, MARKOVITCH, Ayelet Gundar-Goshen

Nova e brilhante voz da literatura israelense, Ayelet Gundar-Goshen é uma contadora de histórias fluente e dada ao realismo mágico. Traduzido para 14 idiomas, este seu romance de estreia recebeu aclamação internacional.

VALSA BRASILEIRA, Laura Carvalho

Um livro corajoso que traz uma visão arejada e acessível sobre a economia brasileira.

A VEGETARIANA, Han Kang

Apontado como um dos livros mais importantes da ficção contemporânea, é uma história sobre rebelião, tabu, violência e erotismo escrita com a clareza atordoante das melhores e mais aterradoras fábulas. 

 

Full Squad