Lucky Jim,

Kingsley Amis

Uma hilariante sátira sobre vida acadêmica e hipocrisia social

O livro

Jim Dixon está em uma situação delicada. Não sabe se conseguirá manter sua posição como professor universitário e, como se não bastasse, deve cultivar um bom relacionamento com o chefe de seu departamento, um homem pedante que jamais esquece que Jim vem de uma família de classe média baixa. E tudo isso enquanto tenta conquistar uma de suas colegas que se recupera de uma tentativa de suicídio. Jim terá sorte o bastante para alcançar seus objetivos? Clássico do absurdo, LUCKY JIM é considerado por Christopher Hitchens (cujo ensaio é reproduzido como posfácio da edição) o mais divertido livro da segunda metade do século XX. Esta é a primeira tradução brasileira do aclamado romance de Amis.

Por que publicamos

Publicado em 1954, e até então inédito no Brasil, LUCKY JIM é uma hilariante sátira sobre a vida acadêmica e a hipocrisia social, além de um marco da literatura do pós-guerra.

O autor

Nascido em Londres, Kingsley Amis (1922-1995) escreveu poesia, crítica e contos. Publicou diversos romances, entre eles THE OLD DEVILS (1986), que ganhou o Booker Prize.

GÊNERO Ficção estrangeira
TRADUÇÃO Jorio Dauster
CAPA Flávia Castanheira
FORMATO 14x21x2,0 cm
PÁGINAS 328 PESO 0,450 kg
ISBN 978-85-88808-53-9
ANO DE LANÇAMENTO 2019

O que estão falando sobre o livro

“LUCKY JIM é anárquico e selvagemente engraçado.”
Christopher Hitchens

Full Squad