Lira mensageira: Drummond e o grupo modernista mineiro,

Sergio Miceli

Um novo olhar sobre os caminhos disponíveis para Carlos Drummond de Andrade e seus contemporâneos

O livro

Ninguém no Brasil conhece tão profundamente os mecanismos que regem a vida intelectual quanto Sergio Miceli. Este livro dá continuidade ao seu projeto. No centro da análise estão Drummond e seus contemporâneos em Minas Gerais. Miceli mostra de forma inovadora os caminhos disponíveis para aqueles literatos que se encontravam no café Estrela. A obra traz olhares sobre o modernismo paulista e a classe política na Era Vargas. Em ensaio com foco nas obras de estreia de Menotti del Picchia, Guilherme de Almeida, Mário de Andrade, Oswald de Andrade e outros, Miceli traça um panorama do que seria a Semana de 22, cravejado de tensões que seriam diluídas na fortuna crítica posterior.

Por que publicamos

Com profundidade e rigor, Sergio Miceli apresenta um novo olhar sobre o modernismo brasileiro.

O autor

Sergio Miceli nasceu no Rio de Janeiro. É professor titular do departamento de sociologia na Universidade de São Paulo. É autor de diversos livros. Pela Todavia, publicou SONHOS DA PERIFERIA (2018).

GÊNERO Não ficção brasileira
CAPA Elaine Ramos
FORMATO 13,5 × 20,8 × 1,5 cm
PÁGINAS 264 PESO 0,340 kg
ISBN 978-65-5692-224-9
ANO DE LANÇAMENTO 2022
doo.is