Crime e castigo,

Fiódor Dostoiévski

Um dos romances mais importantes e influentes de todos os tempos

O livro

Clássico de Dostoiévski e romance fundamental da literatura ocidental, CRIME E CASTIGO ressurge em toda sua originalidade e inesgotável caráter moral em nova tradução do russo por Rubens Figueiredo. Na obra, Raskólnikov, um rapaz retraído e orgulhoso, se sente esmagado pela pobreza. Ao mesmo tempo, acha que está destinado a um grande futuro e, desdenhoso da moralidade comum, julga ter plenos direitos para cometer um crime – o que fará de maneira implacável. Marco da análise psicológica na ficção, CRIME E CASTIGO é um testemunho eloquente da miséria, do alcoolismo e das condições degradantes que empurram para o abismo anônimos nas grandes cidades.

Por que publicamos

Nova tradução direto do russo, a cargo de Rubens Figueiredo, de um dos romances mais importantes e influentes de todos os tempos.

O autor

Um dos maiores romancistas de todos os tempos, Dostoiévski nasceu em 1821, em Moscou, e morreu em 1881, em São Petersburgo. Escreveu numerosos romances, como OS IRMÃOS KARAMÁZOV, O JOGADOR e MEMÓRIAS DO SUBSOLO.

trecho

Trecho do livro

A velha, como sempre, estava com a cabeça descoberta. Os cabelos claros e um pouco grisalhos, ralinhos, gordurosos, untados de óleo, como de hábito, estavam presos numa trancinha, num rabinho de rato, embaixo de uma lasca de pente de chifre, saliente na parte posterior da cabeça. A pancada acertou na nuca, para o que contribuiu a pequena estatura da velha. Ela deu um grito, mas muito fraco e, de repente, pendeu para o chão, embora conseguisse ainda erguer as mãos à cabeça. Numa das mãos, continuava a segurar o “penhor”. Então, com toda a força, ele bateu mais uma e outra vez, sempre com a parte de trás do machado e sempre no topo da [leia mais]

GÊNERO Ficção estrangeira
TRADUÇÃO Rubens Figueiredo
CAPA Rafael Coutinho
FORMATO 16x23x3,6 cm
PÁGINAS 608 PESO 0,950 kg
ISBN 978-85-88808-83-6
ANO DE LANÇAMENTO 2019
Full Squad