Eu amo Dick,

Chris Kraus

Um livro combativo e afetuoso sobre uma obsessão amorosa

O livro

Chris Kraus, uma cineasta independente e falida, apaixona-se por Dick, um respeitado crítico cultural, e tenta seduzi-lo com a ajuda do marido. Quando Dick se recusa a responder suas cartas, marido e mulher continuam a escrever um para o outro, imaginando uma aventura que leva Kraus para muito além de sua paixão. A obsessão amorosa, aqui, é o ponto de partida para uma investigação sobre a voz de uma autora e o lugar da mulher no mundo artístico e intelectual, ou, como diz Kraus, sobre “quem tem a chance de falar, e por quê”. O resultado é um livro ao mesmo tempo combativo e afetuoso, movido por uma liberdade narrativa que segue surpreendendo e influenciando seus leitores.

Por que publicamos

Adaptado para a TV, o romance une ficção e realidade e influenciou toda uma geração de artistas.

O autor

Chris Kraus nasceu em 1955 em Nova York, nos Estados Unidos. Escritora e cineasta, é autora, entre outros, de ALIENS & ANOREXIA, TORPOR e SUMMER OF HATE. Seus filmes incluem GRAVITY & GRACE e HOW TO SHOOT A CRIME.

trecho

Trecho do livro

Caro Dick, Deve ter sido o vento do deserto que nos subiu à cabeça aquela noite, ou talvez o desejo de ficcionalizar um pouquinho a vida. Não sei. Nos encontramos algumas vezes e senti uma grande simpatia por você, e um desejo de ser mais próximo. Viemos de lugares diferentes, mas nós dois tentamos romper com nosso passado. Você é um caubói; por dez anos, fui um nômade em Nova York. Então voltemos à noite na sua casa: o glorioso passeio no seu Thunderbird, de Pasadena até o Fim do Mundo, quer dizer, até Antelope Valley. Um encontro que adiamos por quase um ano. Foi mais verdadeiro do que eu imaginava. Mas como cheguei a isso? Qu [leia mais]

GÊNERO Ficção estrangeira
TRADUÇÃO Taís Cardoso e Daniel Galera
CAPA Pedro Inoue
FORMATO 14x21x1,8 cm
PÁGINAS 288 PESO 0,370 kg
ISBN 978-65-80309-04-7
ANO DE LANÇAMENTO 2019

O que estão falando sobre o livro

“Este é o livro mais importante sobre homens e mulheres escrito no século XX.”
The Guardian

“A inteligência, honestidade e completa originalidade de Chris Kraus fazem dela não apenas ótima, mas indispensável. [...] Leio tudo que Kraus escreve; ela suaviza o desespero com seu brilho e com um senso de humor também incrível.”
Rachel Kushner

Full Squad